Da Redação

Profissionais da linha de frente no combate ao novo coronavírus fazem parte do grupo mais vulnerável a se infectar devido ao contato próximo com pacientes já diagnosticados com a doença.

Em Formiga, desde o surgimento dos primeiros casos, 65 profissionais da saúde tiveram resultado positivo para a Covid-19. Os dados da Secretaria de Saúde do município são do dia 24 deste mês.

Deste total, 26 pessoas ainda estão em acompanhamento e 39 são consideradas curadas.

O maior número de infectados é de técnicos de enfermagem (16), seguidos por médicos (10) e enfermeiros (8). Mas na lista há auxiliares de enfermagem, agentes comunitários de saúde, fisioterapeutas, psicólogos, assistentes sociais e profissionais de várias outras áreas da saúde ou que trabalham no ambiente hospitalar como é o caso de auxiliares administrativos da Santa Casa, com 5 exames positivos.

Assim como nos demais casos, quando o profissional apresenta sintomas, ele é afastado do trabalho e permanece em isolamento domiciliar em caso de confirmação, cumprindo a devida quarentena até que esteja curado.

Casos no município
Até essa quinta-feira (30), foram contabilizados no município 399 casos da doença. Desse total, 177 pessoas são consideradas curadas.

Em comparação com os dados da sexta-feira passada (24), 45 novos casos foram confirmados e 40 se curaram da doença.

O número de casos descartados nesse período subiu de 3411 para 3710.

Nessa semana, o quadro de infecção de detentos da Penitenciária de Formiga (confirmados por exame) também teve alterações. Passando de 17 para 19.

Óbitos
Na quarta-feira (29), foi confirmado o 11º óbito por Covid-19 em Formiga.
Segundo informações da Secretaria de Saúde, a paciente tinha 76 anos, era hipertensa e faleceu na cidade de São José dos Campos, para onde foi transferida a pedido de familiares que residem no município paulista.

O esposo dela havia falecido na semana passada, também vítima da Covid-19. Um dos filhos, também teve resultado positivo para a Covid-19 e chegou a ficar internado na Santa Casa de Formiga, mas já teve alta e se recupera em acompanhamento domiciliar.

Apesar da morte da idosa ter ocorrido em outro município, o óbito foi acrescentado aos registros de Formiga porque a contaminação ocorreu no município.

Imprimir
Comentários