Pelo menos 80 acidentes foram registrados nas estradas mineiras, por dia, durante o feriado prolongado. Ao todo, foram 322 ocorrências nas rodovias que cortam o Estado, deixando um saldo de 25 mortes e 406 feridos, entre  quinta-feira e domingo (11 e 14).

O balanço foi divulgado nesta segunda pelas polícias Rodoviária Federal (PRF) e Militar (PMRv). Vinte óbitos foram registrados nas vias estaduais. Apesar dos números, as corporações evitam comparações com o recesso do ano passado, que teve um dia a mais.

Além dos acidentes, os abusos cometidos pelos motoristas chamam a atenção. Só nas BRs foram 8.867 multas. Dessas, nada menos que 8.514 por excesso de velocidade, segundo a PRF.

Condutores que insistem em dirigir após ingerir bebida alcoólica também foram punidos. Durante os quatro dias do recesso, seis pessoas foram presas por embriaguez ao volante e 36, autuadas. Mais de 2.400 testes do bafômetro foram feitos.

Tragédia

Nesta segunda, uma tragédia ocorreu na BR-381, em São Gonçalo do Rio Abaixo, na região Central do Estado. Uma van que retornava de uma festa em Brasília (DF) se chocou contra uma carreta. Seis pessoas da mesma família morreram, conforme o Corpo de Bombeiros.

Eles seguiam para Santa Bárbara do Leste, no Rio Doce. Oito feridos foram encaminhados para o Hospital Margarida, em João Monlevade, e um o João XXIII, em BH. Até o fechamento desta edição eles ainda permaneciam internados. O estado de saúde não foi informado.

Parente das vítimas, a estudante Juliana Melo, de 22 anos, disse que os familiares foram comemorar o aniversário da avó. Segundo ela, todos estão muito abalados. “Estamos sem chão”, resume a jovem, que perdeu tios e primas na colisão. As causas da batida ainda serão investigadas.

Seis pessoas da mesma família morreram em acidente envolvendo van e carreta em São Gonçalo do Rio Abaixo (Foto: divulgação)

 

Fonte: Hoje em Dia ||

Imprimir

Comentários