O adolescente de 17 anos apreendido por suspeita de matar um homem de 50 anos na madrugada dessa quinta-feira (22), em Arcos, foi encaminhado na tarde desta sexta-feira (23) para um Centro Socioeducativo de Bambuí, como informou a Polícia Civil. Ele confessou ter matado o homem a facadas e, em seguida, colocado fogo na casa onde ele estava.
A Polícia Militar (PM) informou que o fato ocorreu por volta das 3h em uma casa na rua Campos, no Bairro São Vicente. No local, a PM encontrou a casa em chamas.

Crime
Ainda de acordo com informações dos militares, a vítima morava sozinha e não tinha passagens policiais. Segundo a PM, o adolescente que tem diversas passagens por furto e uso de drogas, declarou que matou o homem porque ele era homossexual e queria ter relações com ele.
A Polícia Civil destacou que durante o depoimento o adolescente disse que estava junto com o homem na casa dele e, no momento em que ele tentou passar a mão no suspeito, houve um desentendimento. Por este motivo, o adolescente esfaqueou a vítima e ateou fogo na casa usando gasolina.
O adolescente foi encontrado na casa dele, no momento em que dormia, no Bairro São Vicente. Uma vizinha da vítima contou aos militares que viu quando o menor entrou na casa do homem durante a madrugada. O adolescente permanecerá detido no Centro Socioeducatio.

 

Fonte: G1 ||http://g1.globo.com/mg/centro-oeste/noticia/2016/12/adolescente-que-matou-homem-em-arcos-e-transferido.html

Imprimir

Comentários