A estátua do Cristo Redentor localizada no Mirante do bairro Santa Tereza, em Formiga, recebeu nova iluminação na noite dessa terça-feira (12).

A iniciativa da Secretaria de Desenvolvimento Humano do município faz alusão ao “Agosto Lilás”.
“Durante esse período de agosto, nosso Cristo irá permanecer iluminado na cor lilás pelo mês de conscientização pelo fim da violência contra a mulher”, disse o secretário da pasta Rui Palomo em vídeo divulgado pela administração municipal.

A supervisora do Sistema Único de Assistência Social (Suas), Lindamar Azarias, deixa como recado às mulheres vítimas de violência para que denunciem seus agressores “Não tenha medo, denuncie. Disque 180”.

Agosto Lilás

O mês foi escolhido devido à sansão da Lei Maria da Penha, ocorrida em 7 de agosto de 2006. A legislação surgiu da necessidade de inibir os casos de violência doméstica no Brasil. O nome foi escolhido em homenagem à farmacêutica cearense Maria da Penha Maia Fernandes, que sofreu agressões do ex-marido por 23 anos e ficou paraplégica após uma tentativa de assassinato.

 O julgamento de seu caso demorou justamente por falta de uma legislação que atendesse claramente os crimes contra a mulher.

Hoje, a lei 11.340/2006 considera o crime de violência doméstica e familiar contra a mulher como sendo “qualquer ação ou omissão baseada no gênero que lhe cause morte, lesão, sofrimento físico, sexual ou psicológico e dano moral ou patrimonial”.

balanço, divulgado no início de agosto pelo Ministério dos Direitos Humanos (MDH), mostra que por meio do Ligue 180, canal para denúncias de violência contra a mulher, recebeu 72.839 notificações apenas no primeiro semestre deste ano. A violência física foi o crime mais registrado no período, com 34 mil casos, seguida da violência psicológica, com 24.378, e da violência sexual, correspondendo a 5.978 casos.

Fonte: https://brasa.org.br/

Imprimir
Comentários