Prefeitos da Associação dos Municípios do Lago de Furnas (Alago) e da Associação dos Municípios da Microrregião do Médio Rio Grande (Ameg) se reuniram na Câmara Municipal de Carmo do Rio Claro nessa segunda-feira (1º). Na pauta, estava a união de esforços e definir uma agenda comum em defesa das regiões dos lagos de Furnas e Peixoto.

A reunião foi organizada pelo deputado federal Emidinho Madeira, que pregou a união e a pauta comum dos municípios como forma de obter sucesso nos pleitos comuns a todos os municípios da região.

A cota 762 para o lago de Furnas e 663 metros acima do nível do mar para Peixoto foi o ponto de partida, já que sem elas não há como planejar ações, ter segurança jurídica e atrair investimentos.

Um dos temas da reunião foi desenvolver projeto com as universidades federais de Lavras e Viçosa e o Instituto Federal de Muzambinho para obter recursos da Eletrobras, via edital, para pesquisa e desenvolvimento. Destas pesquisas poderá nascer um projeto de reflorestamento e recuperação de nascentes dos municípios lindeiros aos dois lagos.

Outro assunto em discussão foi a questão das balsas que fazem travessias nos reservatórios e são de responsabilidade de Furnas. Elas são muito antigas e sempre apresentam problemas mecânicos. O pleito é de que a empresa substitua tais balsas por outras novas, modernas e maiores.

O deputado ainda defende, junto com universidades, um projeto que contemple todas as vocações econômicas das duas regiões, como turismo, piscicultura, esportes aquáticos e agropecuária, entre outros.

print
Comentários