Nesta quinta- feira (24), a coordenadora do projeto GPD – Sementes do Futuro levou alguns alunos à Secretaria de Gestão Ambiental para esclarecerem dúvidas sobre a coleta, destinação e armazenamento do lixo na cidade de Formiga, com o secretário Paulo Coelho.
A coordenadora do projeto e professora de matemática da Escola Bernardes de Faria, Jerusa de Souza Sanábio, fez questionamentos ao secretário sobre o armazenamento do lixo na cidade.
O secretário disse ser necessário que a população em geral se conscientize sobre a importância da reciclagem do lixo. Segundo ele, em cada cem casas, apenas três reciclam o lixo. Para se alcançar uma meta razoável, é preciso chegar aos 30%. Com relação à coleta de lixo em alguns bairros de Formiga, o secretário comentou a respeito. ?A entrega seletiva já foi feita em alguns bairros na cidade. Os moradores dos bairros Sagrado Coração de Jesus e Centro tiveram uma boa aceitação?, afirma.
Projeto GPD- Sementes do Futuro
Segundo a coordenadora do projeto, esta iniciativa surgiu com o apoio da Secretaria de Gestão Ambiental da Prefeitura de Formiga. ?O projeto pertence ao governo do Estado, tem como objetivo conscientizar as crianças e a população em geral sobre a importância de se reciclar o lixo, ou seja, a redução da produção de lixo. Esta medida teve início em 2004, quando os professores da escola Bernardes de Faria, juntamente com os coordenadores e alunos, se comprometeram em prestar serviços tanto na escola quanto para a comunidade formiguense?, comenta.
De acordo com Jerusa de Souza, os voluntários que desenvolvem o projeto Semente do Futuro cursam a 8ª série e trabalham há 2 anos nessa função, mas alunos de outras séries estão se engajando no projeto. ?Esses meninos realizam entrevistas com a comunidade, se reúnem toda as quintas-feiras. Também é proposto estudo de campo para que até mesmo esses meninos se mantenham conscientes sobre a importância da redução do lixo em nossa cidade. Feito isso, eles ajudam a orientar a sociedade sobre essa causa?, conclui.

print
Comentários