Setenta e seis torcedores do Cruzeiro foram presos pela Polícia Militar, no Anel Rodoviário, depois de uma briga entre duas torcidas organizadas do time celeste, na tarde deste domingo (10). 

De acordo com a corporação, um ônibus de torcedores da Pavilhão Independente, que vinha de João Monlevade para o clássico no Mineirão, foi interceptado por um grupo da Máfia Azul. Houve confronto entre os dois grupos e cinco pessoas ficaram feridas e tiveram de ser socorridas ao hospital.

Todos os torcedores das duas torcidas que estavam no confronto foram levados até o Mineirão para serem autuados na delegacia do estádio. Eles poderão responder por provocação de tumulto ou tentativa de homicídio, a depender do estado de saúde dos feridos, de acordo com a PM.

“Nos não vamos deixar, em Minas Gerais, que esses marginais travestidos de torcedores fiquem aqui causando transtorno”, afirmou o tenente-coronel Juliano José Trant de Miranda, Comandante do batalhão de Polícia de Choque da Polícia Militar de Minas Gerais.

A reportagem tenta contato com representantes das duas torcidas. 

Imprimir
Comentários