Pela segunda vez enfrentando um câncer no pulmão, o artista plástico Michel Salazar, de 29 anos, resolveu usar o trabalho para ajudar no custeio do tratamento com a doença. Os quadros feitos por Michel estão expostos na Casa de Cultura em Pará de Minas.

O objetivo é divulgar o trabalho do artista e promover a venda dos quadros. Em entrevista ao MG1, Michel disse que recebeu o primeiro diagnóstico de câncer em 2017. Na ocasião ele passou por todo o tratamento e conseguiu a cura. Contudo, ele descobriu que o câncer havia voltado em 2018.

Ele passou por uma cirurgia, mas ainda precisa realizar mais dois procedimentos cirúrgicos.

“O meu câncer era bem agressivo, pela gravidade do problema eu tive que recorrer a rede privada de saúde, porque pelo SUS [Sistema Único de Saúde] a fila era mais demorada”, contou.

Por mês, o artista plástico gasta R$ 5 mil com o tratamento. “Agarrei a oportunidade, a Secretaria de Cultura viu em mim a necessidade de apresentar as obras em prol do tratamento da minha doença. É um tratamento muito caro, com as vendas das peças pretendo custear o tratamento”, comentou Michel.

Apaixonado pela pintura desde os quatro anos de idade, Michel aplica cinco técnicas diferentes de pintura nos quadros que confecciona. As obras são cheias de detalhes e em cada tela, histórias e sentimentos são retratados.

Além das pinturas, o artista plástico também cria peças em gessos. A Casa de Cultura fica na Praça Torquato de Almeida, 26, Centro.

Imprimir

Fonte:

G1