O Atlético não foi capaz de aproveitar os bons momentos que teve, nesta quarta-feira (1º), no Itaquerão, e perdeu por 2 a 0 no jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. Guerrero e Luciano fizeram os gols do Timão.

Resta agora ao Galo voltar a 2013 e retomar o brando visto na Libertadores, torneio no qual foi capaz de reverter placares iguais contra Newell’s Old Boys-ARG, na semi, e Olimpia-PAR, na decisão.

A partida de volta será às 22h do próximo dia 15, no Mineirão. Para este duelo, o Atlético não contará com o atacante Diego Tardelli, que defenderá a seleção brasileira, além do lateral-esquerdo Douglas Santos, que estará com o Brasil olímpico.
O jogo
Os primeiros minutos de partida serviram para os dois times se estudarem e começar a ser moldado o panorama que tomou conta do primeiro tempo: Atlético na defesa em busca de contra-ataques, enquanto o Corinthians seguia o ritmo de seus torcedores, aumentando a pressão aos poucos.

A primeira grande chance do embate veio aos 11 min com Guilherme, após cruzamento preciso de Tardelli. Na finalização, o camisa 17 tirou Cássio da jogada, mas viu Gil afastar o perigo praticamente em cima da linha.

E o castigo não tardou. Depois de Victor salvar em finalização de Guerrero, aproveitando vacilo de Marcos Rocha, o lateral-direito do Galo viu o mesmo atacante adversário levar a melhor pelo alto, após cruzamento pela esquerda atleticana. O arqueiro ainda observou a bola tocar o travessão por duas vezes antes de entrar no gol mineiro.

O gol sofrido atingiu em cheio o Galo, que se desorganizou por completo e penou para acertar a marcação defensiva; no ataque, Tardelli manteve a constante movimentação, enquanto Dátolo e Carlos continuavam sumidos em campo.

A partida recomeçou e o Atlético cresceu. Faltou, porém, a finalização precisa diante de um domínio das ações do duelo. Tardelli continuava sendo o mais incisivo, mostrando mais uma vez que sua presença é primordial para o Galo e tende a fazer muito falta para o jogo de volta.

O azar ainda teimou a rondar o time mineiro. Aos 35 min, Guilherme deu lindo lançamento e viu Dátolo acertar a trave. Na sequência, o Corinthians ampliou em vacilo de Victor e apagão da defesa atleticana.

Os minutos finais serviram para o Galo ter o seu sofrimento sem conseguir diminuir a vantagem corintiana.

Imprimir
Comentários