A AB Nascentes das Gerais, concessionária que administra o sistema MG-050/BR-265/BR-491, foi impedida pela Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas (Setop) de reajustar o valor do pedágio na MG-050. O reajuste estava previsto para ser aplicado a partir desta terça-feira (17). O valor cobrado aumentaria 7,8%.

Contudo, a secretaria disse por meio de nota, que não autorizou o reajuste da tarifa de pedágio na MG-050, pleiteado pela Concessionária, e notificou a mesma para que mantenha a cobrança dos valores praticados atualmente de forma inalterada. A concessionária, porém, informou que adotará as medidas cabíveis para fazer valer o contrato de concessão.

A Setop destacou que caso a Nascentes adote unilateralmente o reajuste da tarifa de pedágio, a Concessionária incorrerá em descumprimento contratual, o que poderá acarretar no cancelamento do contrato.

Nascentes das Gerais

A AB Nascentes das Gerais confirmou por nota, que o reajuste das tarifas do pedágio do Sistema MG-050/BR-265/BR-491, agendado para 0h00 desta terça-feira (17), está temporariamente suspenso por determinação unilateral da Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas (Setop).

A Concessionária esclareceu que o contrato de concessão prevê regras especificas para o reajuste da tarifa de pedágio que não estão sendo observadas pela Setop e informou ainda que adotará as medidas cabíveis para fazer valer o contrato de concessão. A concessionária AB Nascentes das Gerais pertence à AB Concessões e administra mais de 1,5 mil quilômetros de rodovias, sendo responsável pelas concessionárias paulistas AB Triângulo do Sol (100%), AB Colinas (100%) e Rodovias do Tietê (50%) e, no Estado de Minas Gerais, a AB Nascentes das Gerais (100%).

 

Fonte: G1||http://g1.globo.com/mg/centro-oeste/noticia/2017/01/aumento-do-preco-do-pedagio-na-mg-050-e-vetado-pelo-estado.html

Imprimir

Comentários