Foi divulgado na segunda-feira (27), um levantamento da consultoria Economatica que coloca o Banco do Brasil, o Bradesco e o Itaú Unibanco como os bancos mais rentáveis da América Latina e dos Estados Unidos no período de junho de 2012 a junho de 2013. O líder é o banco estatal, com uma rentabilidade sobre o lucro de 24,82%, seguido pelo Bradesco com 17,59% e pelo Itaú com 16,83%.
O banco norte-americano JP Morgan teve o maior lucro no acumulado dos últimos 12 meses até junho, com ganhos de US$ 24,4 bilhões, maior que todos os brasileiros juntos, mas a rentabilidade na casa de12,19% o coloca apenas na sétima colocação. O banco é considerado o maior do mundo.
A rentabilidade é o cálculo para definir quanto uma empresa ganhou em comparação com seu patrimônio líquido num determinado período.
Os três bancos tiveram lucros históricos no primeiro semestre de 2013. O Banco do Brasil registrou ganho recorde de R$ 10,03 bilhões no primeiro semestre. Com o lucro líquido de R$ 5,86 bilhões, o Bradesco também teve o maior lucro de sua história. Já o Itaú com R$ 7,055 bilhões teve o segundo maior lucro de sua história.
Os bancos, segundo o levantamento da consultoria Economatica, lideraram os ganhos na bolsa de valores ganhando juntos R$ 17,13 bilhões no 2º trimestre

Imprimir
Comentários