Um roubo no bairro Paraíso, na região Leste de Belo Horizonte, terminou com um dos ladrões morto após passar mal na noite dessa quarta-feira (15). Dois dos outros suspeitos acabaram presos, sendo que um deles também sentiu-se mal durante o crime. 

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar, quatro homens estavam dentro de um Fiat Palio e anunciaram o assalto na rua Jaú. 

No local, o grupo recolheu capacete, relógios e outros pertences pessoais das vítimas. No entanto, um dos ladrões, de 22 anos, começou a passar mal, foi abandonado pelos comparsas e contido por pedestres até a chegada da polícia. 

Em fuga, o trio seguiu no sentido o bairro Horto, na mesma região. Lá, os homens precisaram parar o veículo na avenida Silviano Brandão quando João Pedro de Oliveira Quirino, de 19, também passou mal. 

Os bandidos chegaram a parar um motorista de aplicativo para que ele socorresse o “amigo”. O condutor chegou a ser ameaçado de morte para não chamar a polícia. 

No entanto, militares foram acionados por ele. Ao chegar no endereço indicado, os agentes prenderam mais um bandido, de 24 anos. O quarto integrante do bando conseguiu fugir. 

Já Quirino foi localizado no banco traseiro do Fiat Palio. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e constatou o óbito. Apenas exames periciais poderão apontar as causas da morte. 

No entanto, os dois presos afirmaram que o grupo estava usando loló há dois dias. Eles foram encaminhados à Delegacia de Plantão 1 (Deplan).

Fonte: O Tempo Online

Imprimir
Comentários