Por causa dos ataques de pirambebas na região da chácara Retiro do Lago, na barragem de Carmo do Cajuru, ações preventivas estão sendo realizadas para evitar acidentes. A Prefeitura de Carmo do Cajuru tem feito o alerta por meio de placas. Neste mês foram registradas ocorrências de ataques na região.

A preocupação é com o período do carnaval, já que o número de banhistas aumenta e os ataques da espécie que possui dentes afiados se tornam mais frequentes.

O presidente da Associação de Moradores da chácara Retiro do Lago, Paulo Cesar de Oliveira Rodrigues, acredita que a razão para que os peixes estejam se concentrando no local é o descarte de restos de comida na água, o que atrai o animal.

A pirambeba é um pequeno peixe carnívoro da família das piranhas, que chega a ter mais de 20 centímetros e pesa entre 150 e 250 gramas. Por ser um animal pequeno, a mordida causa apenas cortes e pequenos ferimentos.

Segundo o tenente Clayton Batista, o peixe ataca, preferencialmente, as extremidades das mãos e pés e esses ataques ocorrem em lugares rasos, próximos da areia.

“Caso ocorra sangramento com o ataque do animal, a orientação do Corpo de Bombeiros é que o banhista procure um pano limpo e faça o estancamento”, orientou.

Peixe carnívoro chega a ter mais de 20 centímetros (Foto: Arquivo TG)

 

Fonte: G1 ||

Imprimir

Comentários