Sábias palavras cantadas em verso por Geraldo Vandré:

– “Vem vamos embora, que esperar não é saber, quem sabe faz a hora, não espera acontecer”.

E o que ocorre é que muitas pessoas, principalmente os políticos, não entenderam estas palavras como filosofia de conduta, pelo contrário, deturparam-nas e as utilizam como oportunistas, para fazerem da ocasião, uma oportunidade de aparecerem e estabelecerem seus palanques políticos, como se fossem “bonzinhos, honestos e simpáticos às necessidades do povo”.

Como são aproveitadores de plantão e também conhecem a “ignorância”, no sentido de “falta de consciência política” do povo, armam suas armadilhas em estratégias e se vangloriam de terem conseguido seus intentos, à custa da falta do discernimento, destes eleitores, em separar os lobos dos cordeiros, se é que haja algum cordeiro.

Oportunistas mascarados, é assim que se apresentam, mas alguém já disse um dia:

– “todo o povo tem o governo que merece”!

Justamente por terem conhecimento desta “ignorância” e despreparo cívico, deste povo, que não sabem valorizar a arma que tem nas mãos, que é o poder e a importância do VOTO.

A educação, no sentido acadêmico, já que é o complemento da familiar, influi nesta formação de “consciência política”, por isso se faz necessária e urgente, para usar uma palavra na mídia atual, REFORMA, no ensino, desde o fundamental, onde:

– Estudos Sociais, Moral e Cívica, Organização Social e Política do Brasil e ainda Religião, independentemente de culto, voltem a fazer parte da base curricular nacional das escolas do país.

Somente assim, conseguiremos formar jovens realmente comprometidos com a nação e com interesse em resolver os problemas de seus “irmãos”, menos favorecidos em relação, à saúde, educação, segurança, lazer, moradia e transporte, essas necessidades básicas, “garantidas” pela Constituição da República Federativa Brasileira.

Ainda levaremos um tempo para ver e observar estas melhorias, se vierem, mas também existe um outro ditado que serve de alento:

– “Antes tarde do que nunca”.

Imprimir

Comentários