A Biblioteca Pública Municipal ?Osório Garcia?, no bairro Ouro Negro, está em festa. Fundada em 9 de setembro de 2006, o órgão completa neste mês, 8 anos.
A biblioteca recebeu este nome em homenagem a Osório Garcia (In memorian), que foi um ilustre formiguense apaixonado por literatura, leitura e escrita e um grande colaborador para a cultura local.
O órgão possui um acervo informatizado com 9 mil obras das mais diversas áreas do conhecimento, incluindo um acervo militar .
Inaugurado em 25 de agosto de 2011, o acervo militar da biblioteca foi criado devido a uma doação feita pelo Tiro de Guerra 04-030. Foram doadas 980 obras que pertenciam ao Coronel Gilberto Freitas, que vão desde estratégias de guerra, informações sobre ciência militar, história da formação do Exército Brasileiro e relatos sobre diversos conflitos armados em todo o mundo.
O estabelecimento possui também um variado acervo de multimídia de clássicos do cinema brasileiro que foram doados pela Ancine.
Além do riquíssimo acervo, o órgão conta com uma sala especialmente preparada para receber a comunidade escolar para exposições e Hora do Conto e disponibiliza internet gratuita para os sócios. São três computadores que estão disponíveis para pesquisas escolares e para quem precisar navegar na internet.
A biblioteca está localizada na rua Alfa n° 59, e atende principalmente os bairros: Ouro Negro; Água Vermelha; Santa Cruz; Maringá; Mangabeiras; Chapada e adjacentes.

A bibliotecária do orgão, Vanessa Leal, convida a toda a comunidade a conhecer o espaço e entrar no universo da leitura. A leitura é um instrumento valioso para a apropriação de conhecimentos relativos ao mundo exterior. Ela amplia, aprimora o vocabulário e contribui para o desenvolvimento de um pensamento crítico e reflexivo, pois possibilita o contato com diferentes ideias e experiências, declarou Vanessa.

Imprimir
Comentários