O presidente Jair Bolsonaro disse, nessa terça-feira (6), que ‘resolve o problema do vírus em poucos minutos’, durante mais um ataque a jornalistas e à imprensa. “É só pagar o que os governos pagavam para Globo, Folha, Estado de S.Paulo… Esse dinheiro não é para imprensa, esse dinheiro é para outras coisas”, afirmou o presidente. Nesta terça o Brasil registrou 4.211 mortos pela Covid-19.

E não parou por aí. Bolsonaro disse: “Eu cancelei todas assinaturas de revistas e jornais do governo federal. Acabou. Já entramos no segundo ano sem nada. A gente não pode começar o dia envenenado”.

O presidente ainda ignorou o longo atraso do Governo Federal para comprar vacinas contra a Covid-19 e generalizou a falta da vacina. “O Canadá está com problema de vacina também. O mundo todo, a não ser os países que fabricam, Estados Unidos e mais três ou quatro. O pessoal quer destruir o vírus, aqui quer destruir o presidente. É jogo de poder, se vai morrer mais gente, não interessa, não.”

Fonte: Estado de Minas

Imprimir
Comentários