A partir de agora, a Prefeitura conta com R$1.211,321,29 para a compra de equipamentos para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA). De acordo com a administração municipal, a previsão de inauguração é no início do ano que vem.
Os vereadores aprovaram, na segunda-feira (9), o projeto de lei 112/2013, que autoriza a abertura de crédito especial neste valor. O projeto estava tramitando na Casa desde o dia 28 de outubro.
Os recursos são da Secretaria de Estado da Saúde, por meio do convênio 144/2013 e era necessária a aprovação do projeto para a transferência desse recurso.
Em agosto, o prefeito Moacir Ribeiro e o então secretário de Saúde, Rafael Tomé, estiveram na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, para assinar o convênio com a Secretaria de Estado de Saúde.
Durante a reunião do Legislativo, alguns veadores comentaram sobre o projeto. Cabo Cunha ressaltou: ?a nova unidade vai substituir o nosso Pronto Atendimento. É um dinheiro do Estado que tem que passar pelo nosso crivo. Espero que no novo local, tenhamos médicos e bastantes enfermeiros?.
Mauro César explicou que aquilo que é justo para o povo de Formiga tem o apoio da Câmara, diferente do que ocorreu com o projeto de antecipação de pagamento, por meio dos recursos dos royalties. ?Gostaria de agradecer ao governador de Minas. A UPA é urgente, é necessária. É preciso valorizar a nossa saúde?.
Luciano Duque também falou sobre a situação da saúde no município. ?O atual prefeito sempre disse que a saúde era a menina dos olhos dele. Esse recurso que está vindo é do Estado para concluir a UPA, mas é preciso também que o Executivo invista nos PSFs dos bairros?, concluiu.

Imprimir
Comentários