A Câmara dos Deputados colocou sua estrutura para colaborar no socorro às vítimas das enchentes do Rio de Janeiro. Por determinação da mesa diretora foram instalados postos para receber doações de roupas, alimentos e material de limpeza nas principais entradas da Casa. Os postos estão orientados a receber doações de qualquer pessoa, funcionária da Câmara ou não.
Os órgãos de comunicação ? TV, rádio, agência e o site da Câmara na internet ? estão divulgando mensagens de mobilização da população para efetuar doações em dinheiro e as contas bancárias do governo do Estado e dos municípios onde devem ser depositados os auxílios em dinheiro.
Em depoimento, o deputado federal Jaime Martins, enfatizou a importância da Câmara dos Deputados se solidarizar com as vítimas das enchentes no Rio de Janeiro, mas também, cobrou esforço para auxílio aos desabrigados em Minas e São Paulo. ?Infelizmente, vivenciamos a maior tragédia climática da história do Brasil, com centenas de mortos e desabrigados. É importante a Câmara estar atenta aos esforços de recuperação e investimento nas áreas afetadas, não só do Rio, mas também em São Paulo e Minas Gerais. Na última semana, a presidente Dilma assinou a Medida Provisória (MP) nº 522, liberando R$ 780 milhões para recuperação das cidades, o que já é uma resposta imediata ao problema. Nesse sentido, esperamos que essa situação se resolva o quanto antes, minimizando as perdas e fazendo com que as pessoas possam voltar ao seu cotidiano, avaliou Jaiminho.
Segundo o Ministério do Planejamento, os recursos da MP serão utilizados também para viabilizar o atendimento às populações atingidas pela estiagem prolongada em municípios da região Nordeste e em parte da região Sul. O objetivo é constituir uma reserva para minimizar a grave situação de risco enfrentada pelas populações das regiões atingidas e reduzir os prejuízos à infraestrutura local.
A pasta da Integração Nacional contará com 700 milhões, sendo R$ 600 milhões para ações de Defesa Civil e R$ 100 milhões para obras de prevenção e medidas de resposta a desastres e reconstrução. Ao Ministério dos Transportes serão destinados R$ 80 milhões para a realização de obras emergenciais nas rodovias federais em diversas regiões do País, danificadas em virtude das chuvas intensas.
Confira as formas de ajudar a campanha
Doe dinheiro
– Caixa Econômica Federal
Beneficiário: Defesa Civil do Rio de Janeiro
Agência: 0199
Conta corrente: 2011-0
Cód. da operação: 006
– Banco do Brasil
Beneficiário: Prefeitura de Teresópolis
Agência: 0741-2
Conta-corrente: 110.000-9
Beneficiário: Prefeitura de Nova Friburgo
Agência: 0335-2
Conta-corrente: 120.000-3
Beneficiário: Prefeitura de Petrópolis
Agência: 0080-9
Conta-corrente: 76.000-5

Imprimir
Comentários