Quando bate o cansaço no trabalho, a primeira coisa que fazemos é tirar o chocolate da bolsa. Mas uma pesquisa recente coordenada por cientistas do Departamento de Esportes e Ciências da Saúde da Universidade de Exeter, no Reino Unido, revela que uma simples caminhada de 15 minutos faz o mesmo efeito que a barrinha de chocolate, diminuindo o consumo do produto pela metade.
Além da sensação de saciedade, o chocolate proporciona um rápido aumento na energia, facilitando o resto do dia, para podermos continuar realizando tarefas. Com o passar de meses, ou anos, porém, aquele pedacinho diário de chocolate pode acabar se acumulando no organismo, levando ao ganho de peso e, eventualmente, à obesidade.
No estudo, os cientistas selecionaram 78 consumidores assíduos de chocolate para avaliar os efeitos que ele exerce sobre o organismo no ambiente de trabalho. As pessoas passaram por dois dias de abstinência do produto e, em seguida, precisaram simular jornadas de trabalho, passando alguns dias realizando tarefas em um ambiente de escritório.
Os participantes do estudo foram divididos em quatro grupos. Dois deles foram instruídos a fazer caminhadas ativas, de 15 minutos, em uma esteira, antes de começar a trabalhar. Desses dois, um recebeu tarefas fáceis, enquanto o outro grupo foi instruído a realizar tarefas complicadas.
Os outros dois grupos foram instruídos a tirar uma soneca antes de iniciar o trabalho. Novamente, metade das pessoas receberam tarefas fáceis e a outra metade, tarefas difíceis. Para medir o consumo, uma tigela de chocolates estava disponível para os sujeitos durante todo o período do estudo.
Segundo os pesquisadores, aqueles que fizeram o exercício antes do trabalho consumiram, em média, a metade da quantidade de chocolate do que os outros. Em gramas, a diferença foi de 28 g para 15 g, o equivalente a uma pequena barra de chocolate.
Saúde
Além do estudo do consumo de chocolate, o pesquisador Adrian Taylor, da Universidade de Exeter, também já estudou a influência da caminhada no combate ao consumo de tabaco.
Alimentação no combate à ansiedade
Muita gente acredita que o chocolate traz alívio. O que acontece, na verdade, é uma sensação boa rápida, seguida por um possível aumento da ansiedade.
Se você sofre do problema. Evite alimentos gordurosos ou ricos em açúcar, ou cafeína, como:
– Café
– Açúcar
– Chocolate
Na hora do lanche. Prefira alimentos que trazem a sensação de saciedade prolongada:
– Leite e iogurte desnatado
– Queijo banco
– Nozes
– Banana
– Castanhas
– Soja e derivados
– Frutas
– Pães integrais
– Massas integrais
– Legumes

Imprimir
Comentários