A Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo foi encerrada no sábado (30), com o “Dia D” focado na imunização de jovens adultos com idade entre 20 e 29 anos. Todos os postos de saúde funcionaram em horário especial e, no total, foram aplicadas 119 doses da vacina.

 “É importante ressaltar que a vacina contra o sarampo, a tríplice viral, é de rotina e está disponível nos postos de saúde durante todo o ano. A campanha tem como intuito o bloqueio da doença. Logo, esse número, que pode parecer baixo, é considerado positivo, já que, em tese, significa que grande parte da população já estava imunizada contra a doença”, explicou a coordenadora do Setor de Vigilância Epidemiológica, Ana Dalva Costa.

A campanha teve início no dia 7 de outubro, com a primeira fase, que teve como foco crianças menores de cinco anos. Essa etapa também teve um “Dia D” de Vacinação, quando os postos de saúde abriram em horário especial em um sábado. A campanha teve uma breve pausa e retornou em novembro, já focada em vacinar pessoas com idade entre 20 e 29 anos. De 7 de outubro a 30 de novembro, 788 doses da vacina foram aplicadas no município.

“Mais uma vez é importante dizer que o total de vacinas aplicadas tem um significado positivo. A campanha cumpriu o papel a que se propôs, que foi de conscientizar aquelas pessoas que ainda não haviam se vacinado. E mais uma vez também ressalto que a tríplice viral é uma vacina de rotina e continua disponível nos postos de saúde de toda cidade”, finalizou Ana Dalva.

Imprimir