Considerando o Decreto nº 8.162, de 19 de março de 2020, que dispõe sobre as medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente da pandemia do coronavírus, o Centro de Atenção Psicossocial (Caps) de Formiga emitiu comunicado:

1. O Caps II Formiga deverá reduzir a aglomeração de pessoas, suspendendo a realização de oficinas terapêuticas, reuniões, assembleias e agendamento de novas consultas para psiquiatria e psicologia;

2. manter os atendimentos de urgência a crise em saúde mental, conforme a necessidade dos casos e avaliação do plantonista;

3. os plantões se limitarão aos atendimentos de urgência, sendo vedados atendimentos eletivos, tais como declarações de tratamento, laudos para passe-livre, triagens e acolhimentos eletivos;

4. os pacientes que se encontram em Permanência-Dia (PD) serão avaliados de forma criteriosa e individualizada, considerando as condições clínicas do paciente (possíveis grupos de risco para covid-19) e seu projeto terapêutico singular;

5. os atendimentos psiquiátricos e psicológicos eletivos já agendados serão avaliados de forma criteriosa e individualizada, com possível adiamento e remarcação, conforme avaliação da equipe técnica do Caps II. Nesses casos, será feito contato telefônico para reorganização do Projeto Terapêutico Singular;

6. novos comunicados revendo as orientações acima podem ser realizados conforme edição de novos decretos da Prefeitura de Formiga.

Fonte: Decom

Imprimir
Comentários