As festividades do Carnaval podem estar comprometidas, caso não seja aprovado o projeto da nova estrutura administrativa da Prefeitura, que está colocando em risco todos os setores da administração, principalmente o Setor de Licitações.
Uma reunião foi realizada na segunda-feira (4) para discutir detalhes como a programação, animação da festa, segurança e outros itens. Assim, ficou decidido que os shows devem ocorrer no estacionamento da Praia Popular e as festividades devem começar e terminar mais cedo. A previsão é de que os shows se iniciem às 16h com duração até por volta das 22h dos dias 13 (sábado) a 16 (terça) de fevereiro.
O Carnaval está sendo planejado em parceria com os secretários Maria Andrada (de Cultura), Túlio Fonseca (Comunicação) e Paulo César Rodrigues da Costa (Desenvolvimento Econômico e Parceria). A intenção, segundo os secretários, é dar mais segurança aos foliões.
As bandas, caso o Carnaval não seja comprometido, já estão divulgadas: no sábado (13) banda Freaza e Swing de Minas (esta última de Formiga); no domingo (14) Fernanda Garcia e possivelmente André Gouvêa (está em acordo); na segunda-feira (15) Só na Maciota e Batuque Balanço e pra fechar as festividades na terça-feira (16) Fernanda Mell.
Essas são praticamente as mesmas bandas que animarão o Carnaval de Capitólio, com exceção do grupo Rapazola, que não tinha agenda disponível. Segundo Maria Andrada, foi feita uma parceria com o promoter Sandromar Vieira (Sandrinho), da Looping Promoções, por isso, foi possível conseguir preços acessíveis. Mas os valores ainda não foram divulgados.
A secretária de Cultura comenta que a proposta do Sandrinho foi aceita, mas que foram separados todos os segmentos, assim, a Looping vai cuidar apenas da contratação das bandas, que foram escolhidas por meio de uma votação feita por representantes da Secretaria de Gestão Ambiental, de Cultura, de Comunicação, do Departamento de Turismo da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Setor de Eventos da Prefeitura e o administrador da Praia Popular. ?Queríamos a participação de pessoas mais jovens para ajudar na escolha das bandas, para escolhermos as melhores. Essas bandas estão fazendo o Carnaval de Capitólio e outras cidades da região. Então, teremos um preço bom porque estão perto. Vamos conseguir trazer um Carnaval de qualidade? , comenta a secretária.
As licitações para a contratação de som e segurança, por exemplo, devem ocorrer na próxima semana, isso se tiver sido aprovada a nova estrutura da Prefeitura e o funcionamento estiver dentro da normalidade.

Imprimir
Comentários