A Confederação Brasileira de Futebol  (CBF) anunciou nesta quarta-feira (20) os clubes participantes do Brasileiro feminino Série A1, que tem início marcado para 17 de março. Atual campeão, o Corinthians terá a companhia de outros 15 clubes na disputa da competição: Foz Cataratas/Athletico-PR, Ponte Preta, Kindermann, Flamengo, Iranduba, Ferroviária, Audax, Rio Preto, Santos, São Francisco-BA, São José-SP, Sport, Vitória-PE, Vitória-BA e Minas ICESP-DF.

Apesar da decisão de encerrar as atividades no futebol feminino, o Sport ainda consta na lista, pois não entrou com ofício de desistência. Deve fazer ao longo da tarde desta quarta. Assim que for definido, a entidade fará a correção dos integrantes. Como já divulgado anteriormente no blog, a fórmula da disputa terá uma novidade. As equipes não estarão mais divididas em grupos e integrarão uma chave única em um turno somente. Os oito melhores garantem vaga à etapa seguinte, as quartas de final.

Nessa fase, as partidas serão de ida e volta, em caso de empate na soma dos placares dos dois jogos, a decisão irá para os pênaltis. Não há mais gol qualificado. Os quatro melhores clubes da fase de grupos irão fazer o jogo de volta como mandante. Nas semifinais e final, os mandos dos duelos de volta pertencerão aos clubes que obtiverem, na ordem:

  1. a) maior número de pontos ganhos em toda a competição (soma das fases);
  2. b) maior número de vitorias em toda a competição (soma das fases);
  3. c) maior saldo de gols em toda a competição (soma das fases).

*Em caso de empates de todos os critérios, o mando será definido através de sorteio.

Os quatro últimos colocados ao final da primeira fase serão rebaixados à Série A2 de 2020. A tabela completa da primeira fase ainda não foi divulgada pela CBF.

 

IMPRIMIR

Fonte:

G1