Os comentários pela cidade são de que a culpa do acidente que causou a morte de Francisca Teixeira Melo, de 69 anos, na manhã desta quinta-feira (18), seria da Prefeitura, porque os semáforos ?estariam estragados?. Mas o chefe do Departamento de Trânsito, Marconi de Paula, entrou em contato com a nossa redação e garante que a administração municipal não teve culpa alguma. Ele esclarece que os semáforos, quando estão no amarelo intermitente, é sinal de que os motoristas e pedestres precisam estar ainda mais em alerta e prestar mais atenção.
Segundo Marconi de Paula, os semáforos da ?Ponte dos Três Irmãos? são programados para ficarem no amarelo intermitente após às 23h e devem voltar a funcionar normalmente às 6h, mas ele não cumpriu sua programação. O chefe do setor de Trânsito explica que cada semáforo da cidade é programado para ficar em alerta em horários diferenciados, alguns começam a ?piscar no amarelo? às 22h30, outros às 23 e outros à 0h, conforme a demanda.
Ontem (18), houve um problema em uma das placas do semáforo, que entrou em curto circuito e, por isso, ele não voltou a funcionar no horário programado. Marconi de Paula ressalta que, antes das 8h, servidores já trabalhavam para passar os dados e a programação para outra placa reserva, mas que é um processo demorado por ter que trabalhar a parte eletrônica do aparelho.
O chefe do setor de trânsito explica que não pode-se dizer que o semáforo não estava funcionando, ele estava no amarelo intermitente. ?Minha consciência está tranqüila. Quando o semáforo está no amarelo, as pessoas devem obedecer mais do que se tivesse funcionando normalmente, porque o amarelo é sinal de alerta?, salienta. Marconi de Paula comenta que, infelizmente, foi uma fatalidade, mas que as providências já estavam sendo tomadas.
Para explicar o caso, o chefe do setor de Trânsito comenta que, nas capitais, por exemplo, o sinal amarelo intermitente começa a funcionar às 21h, medida tomada para até mesmo coibir a ação de bandidos, dificultando a passagem deles pelas ruas da cidade, pois, com o sinal amarelo, o trânsito fica teoricamente mais lento, porque demanda mais cautela e atenção, então os bandidos teriam mais dificuldades em caso de fuga. A intenção é que, com o novo projeto de trânsito que está em elaboração em Formiga, os semáforos da cidade também fiquem em sinal de alerta a partir das 21h.
Segundo Marconi de Paula, o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) dá o respaldo para que os semáforos fiquem no amarelo intermitente por longo período se necessário, o que significa pedido de atenção e estado de alerta.

print
Comentários