Começou em Betim, foi varrendo Contagem e chegou à Região Central de Belo Horizonte, por volta de 15h30 desta quarta-feira. De acordo com o 5º Distrito de Meteorologia, a chuva de granizo que castigou a capital se deslocou para a Zona Leste e Pampulha, provocando estragos.
De acordo com informações do Corpo de Bombeiros em Betim, na Grande BH, diversas pessoas, entre elas crianças, foram arrastadas pela enxurrada nos bairros Imbiruçu e Kennedy. Pelo menos uma vítima foi soterrada após o desabamento de uma casa no bairro Jardim das Alterosas. Em Contagem, houve registro de casas inundadas nos bairros Santa Luzia, Oitis e Vila Beija Flor. No bairro Parque São João, também em Contagem, houve desabamento de residências e quedas de telhados. Uma telha atingiu uma criança.
Na Ceasa Minas, em Contagem, parte do muro da Cardiesel, loja especializada em assistência técnica de veículos, caiu e provocou destelhamento e feriu duas pessoas, que foram socorridas pelo bmbeiros. O muro lateral da loja também foi abaixo, atingindo quatro carros que estavam estacionados.
Em todo o entreposto, árvores e placas caíram. No prédio da administração, dezenas de automóveis sofreram danos com a queda de granizo. O grama do campo de futebol da Associação dos Empregados da estatal ficou coberto de gelo. A energia elétrica nos pavilhões de lojas foi interrompida por cerca de 30 minutos. Até o fim da tarde, os pavilhões A e B ainda estavam sem energia.
Segundo um aluno da UFMG, o prédio do curso de teatro ficou destruído e os computadores foram molhados. Ainda na Pampulha, a chuva forte e o granizo estragaram vários carros.

Entenda como se forma a chuva de granizo

1 – As temperaturas elevadas e o alto índice de umidade relativa do ar favorecem a formação de nuvens de tempestade.
2 – No interior dessas nuvens, ocorrem intensas correntes de ar, ascendentes e descendentes, onde a temperatura fica abaixo de -80°C.
3 – O vapor d?água que está na atmosfera é empurrado para as regiões mais altas das nuvens, onde a temperatura é menor, e se congela.
4 – Congelado, o vapor adquire um peso maior que a gravidade, precipitando em forma de gelo, fenômeno conhecido como chuva de granizo.
A queda de granizo na Grande BH ocorreu dois dias depois da tempestade de gelo que devastou parte da cidade de Carandaí, na Região Central, a 137 quilômetros da capital. Mais de 1 mil moradores ficaram desabrigados e 80% dos imóveis foram destelhados. Segundo o coordenador do MG Tempo/Cemig/PUC Minas, o meteorologista Ruibran Reis, a chuva de granizo que atingiu a Grande BH não era esperada e é muito semelhante aos fenômenos meteorológicos que causam os tornados. ?São fenômenos provocados pelo aquecimento global. É a resposta da natureza às agressões do homem. Minas não está livre da ocorrência de tornados?, afirma.

print
Comentários