O empate por 1 a 1 com o Figueirense, neste domingo, no Independência, eliminou quaisquer chances matemáticas de o Atlético ser campeão brasileiro em 2014. A quatro rodadas do fim do campeonato, o time alvinegro tem 58 pontos, 12 a menos que o líder Cruzeiro, que soma 70.

Pela diferença de pontos, igualar a campanha o Cruzeiro seria possível. Só que o Galo levaria desvantagem nos critérios de desempate, pois pode chegar no máximo a 20 vitórias. O rival celeste já soma 21 triunfos no Campeonato Brasileiro.

Somente São Paulo (66 pontos), Grêmio (60 pontos) e Corinthians (60 pontos) ainda contam com chances matemáticas de título. O Internacional também soma 60, mas tem um jogo a mais e só pode chegar a 69 pontos.

No Brasileiro, resta ao Atlético pensar em garantir uma vaga no G-4. Na quarta-feira, o confronto será contra o Flamengo, às 22h, no Horto. Depois, haverá duelos contra Internacional (fora), Coritiba (casa) e Botafogo (fora).

Mas o foco do Galo é a Copa do Brasil. Mesmo se não terminar o Brasileiro no G-4, a equipe comandada por Levir Culpi está perto de conquistar o título e garantir a classificação para a Copa Libertadores de 2015. No primeiro confronto, o Galo venceu o Cruzeiro, por 2 a 0, no Independência. Dia 26, os clubes voltam a se enfrentar, desta vez no Mineirão.

print
Comentários