O comandante da 241ª Companhia da PM em Arcos, primeiro-tenente Bittencourt, participou da reunião ordinária da Câmara Municipal, na noite desta segunda-feira (23).

A convite dos membros do Legislativo, ele falou sobre a necessidade de ampliação do Sistema de Videomonitoramento de Arcos (SVA), também conhecido como “Olho Vivo”.

Na oportunidade, o oficial destacou as dezenas de ocorrências que tiveram desfecho positivo em razão de imagens captadas pelas câmeras. Os infratores foram identificados e presos e os produtos ilícitos como drogas e armas localizados.  

“Hoje podemos considerar muito satisfatório o nosso sistema de captação e registro de imagens, mas devemos ir além. Temos a convicção de que com um investimento razoável por parte do poder público e de parceiros da iniciativa privada, um envolvimento com o Consep, tanto para a implantação quanto para a manutenção das câmeras, poderemos obter resultados ainda mais expressivos em termos de segurança pública”, ressaltou o comandante da PM.

Em setembro, o tenente informou aos vereadores sobre a necessidade da elaboração, apresentação e aprovação de um projeto de lei, com o propósito de aumentar o número de operadores do SVA.

De acordo com ele, somente a implantação de novas câmeras sem o aumento do número de operadores do sistema não seria o suficiente. Os vereadores se dispuseram a viabilizar o projeto de lei, o mais rápido possível, junto ao Poder Executivo.

Também compareceram à reunião a presidente do Consep de Arcos, Ester Lages, e gerentes de várias agências bancárias do município. 

Redação do Jornal Nova Imprensa Polícia Militar

Imprimir
Comentários