Para Maria Mazzarela Zaidan, de 67 anos, recuperar dinheiro perdido parecia tão provável quanto ganhar na loteria. Na última terça-feira (10), no entanto, a sorte foi bastante generosa com a pedagoga. Ela recuperou a carteira que perdeu em julho do ano passado com cerca de R$ 1100, durante uma viagem feita de ônibus de Brasília à Ponte Nova, na Zona da Mata Mineira.

Quem devolveu o objeto foi o comerciante Geraldo da Costa, de 69 anos, dono de um restaurante situado nas proximidades de Ouro Preto, em que a idosa parou para fazer um lanche. Persistente, ele a procurou por mais de um ano, já que, na carteira, não havia documentos de identificação ou contatos da senhora. Apenas um cartão promocional de uma loja, com o nome dela.

“Só me dei conta de que havia perdido o dinheiro um dia depois de chegar em casa, quando ia pegar o dinheiro para entregar à minha filha. Ela tem uma lojinha e a quantia era referente à venda que fiz para ela de umas toalhas. Nem fiquei procurando muito, pois achei muito difícil que alguém fosse me devolver. Mas fato é que, mais de um ano depois do episódio, o seu Geraldo, dono do restaurante no qual parei para me alimentar, me localizou e mandou me entregar minha carteira com tudo o que estava lá, incluindo o dinheiro. Tostão por tostão. Esse homem simplesmente é de um tipo que não existe mais”, elogia Maria Mazzarela.

 

Fonte: Matéria do Estado de Minas||https://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2019/09/16/interna_gerais,1085520/comerciante-devolve-carteira-perdida-com-mil-reais-apos-procurar-dona.shtml
Imprimir
Comentários