A cada um milhão de partos realizados no mundo, apenas dois são de trigêmeos concebidos por meios naturais.

O Complexo de São João de Deus recebeu neste mês, um casal que entrou para esta estatística: Ariadina e Gleidson que conceberam as bebês, Maria Luiza, Maria Vitória e Maria Alice.

Ter um parto de trigêmeos é como ganhar na Loteria. E para o pai das crianças, a família foi triplamente abençoada. “Planejávamos ter mais um filho, para alegrar nossa família e fazer companhia para nosso filho caçula. E então, Deus decidiu nos abençoar ainda mais e nos enviou três anjos”, comemorou Gleidson

As meninas que nasceram de 31 semanas de gestação (cerca de sete meses), permanecem sob os cuidados da equipe da UTI NeoPediátrico do CSSJD, mas já surpreenderam a equipe médica, pois, após uma semana de vida já estavam em ar ambiente, ou seja, respirando sem o auxílio de aparelhos.

O parto que foi realizado pelo médico obstetra, Juan Carlos Castelo, foi uma cesariana agendada, sem complicações. Entretanto, exigiu de nossos profissionais o triplo do zelo e atenção dispensados a cada nascimento. “Além de reservar três vagas na UTI NeoPediátrica, tivemos que internar a paciente antes e realizar os exames necessários, para prepararmos todo o procedimento”, explicou o profissional.

Fonte: G 37

Imprimir
Comentários