Concerto em homenagem a Alceu Valença chega à Europa

Espetáculo gravado no Palácio das Artes será reproduzido nas cidades de Tomar, Porto e Lisboa

Espetáculo gravado no Palácio das Artes será reproduzido nas cidades de Tomar, Porto e Lisboa

Foram cerca de 10 apresentações no Brasil sob aplausos extasiados de um público encantado. Agora, o espetáculo ?Valencianas?, que expôs a interpretação erudita da Orquestra Ouro Preto (OOP) sobre as canções populares de Alceu Valença, chega à Europa. A partir deste sábado (17), o maestro Rodrigo Toffolo comanda 25 músicos sinfônicos ao lado de um dos maiores ícones da música pernambucana, para três apresentações especiais em Portugal.
?É um processo muito interessante ir lá para fora e mostrar o nome do nosso Estado como fornecedor de cultura. Principalmente porque o nome da OOP rodou mais no Brasil depois que a gravadora decidiu distribuir nacionalmente o álbum?, avalia o maestro.
O convite para os shows em Portugal surgiu depois que o álbum ?Valencianas? chegou às terras portuguesas pela Deck Disc, em agosto do ano passado, e logo no primeiro dia de vendas assumiu o topo do ranking dos discos mais vendidos pelo iTunes.
Em terras lusitanas, porém, o DVD ?Valencianas? só chegará ao conhecimento do público agora, junto com a estreia do espetáculo ao vivo. ?Lá, eles têm uma cultura de ouvir primeiro o disco e depois ver o espetáculo e o DVD. Achei diferente e curioso, mas também nos dá uma expectativa maior para fazer um show que a maioria dos portugueses e brasileiros radicados lá nunca viram?, diz Toffolo.
Antes de partir para a região mais conhecida de Portugal, a OOP e Alceu Valença se apresentam na pequena cidade de Tomar, em um templo conhecido como Convento de Cristo. Em seguida, o espetáculo segue para Lisboa, em show na Casa da Música, na segunda-feira (19), e encerra a temporada no Teatro Tivoli BBVA, também na capital portuguesa, na quarta-feira (20).

O show
O maestro Rodrigo Toffolo adianta que o repertório dos espetáculos irá seguir a risca do DVD. Ao todo, 14 canções serão apresentadas com arranjos originais, incluindo a ?Abertura Valenciana?, assinada por Rodrigo Toffolo em homenagem a Alceu Valença, e hinos do cancioneiro nordestino, como ?Anunciação?, o pout-pourri ?La Belle De Jour/Girassol? e ?Tropicana? ? que além dos instrumentos sinfônicos, são encorpadas por solos de guitarra, percussão e uma bateria marcante.
Depois dos shows em Portugal, o maestro pretende levar o espetáculo para outras cidades europeias, mas possíveis datas e locais ainda não foram confirmadas.

print
Comentários

Sobre o autor

André Ribeiro

Designer do portal Últimas Notícias, especializado em ricas experiências de interação para a web. Tecnófilo por natureza e apaixonado por design gráfico. É graduado em Bacharelado em Sistemas de Informação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.

Concerto em homenagem a Alceu Valença chega à Europa

Espetáculo gravado no Palácio das Artes será reproduzido nas cidades de Tomar, Porto e Lisboa.

Espetáculo gravado no Palácio das Artes será reproduzido nas cidades de Tomar, Porto e Lisboa.

 

Foram cerca de 10 apresentações no Brasil sob aplausos extasiados de um público encantado. Agora, o espetáculo “Valencianas”, que expôs a interpretação erudita da Orquestra Ouro Preto (OOP) sobre as canções populares de Alceu Valença, chega à Europa. A partir deste sábado (17), o maestro Rodrigo Toffolo comanda 25 músicos sinfônicos ao lado de um dos maiores ícones da música pernambucana, para três apresentações especiais em Portugal.

“É um processo muito interessante ir lá para fora e mostrar o nome do nosso Estado como fornecedor de cultura. Principalmente porque o nome da OOP rodou mais no Brasil depois que a gravadora decidiu distribuir nacionalmente o álbum”, avalia o maestro.

O convite para os shows em Portugal surgiu depois que o álbum “Valencianas” chegou às terras portuguesas pela Deck Disc, em agosto do ano passado, e logo no primeiro dia de vendas assumiu o topo do ranking dos discos mais vendidos pelo iTunes.

Em terras lusitanas, porém, o DVD “Valencianas” só chegará ao conhecimento do público agora, junto com a estreia do espetáculo ao vivo. “Lá, eles têm uma cultura de ouvir primeiro o disco e depois ver o espetáculo e o DVD. Achei diferente e curioso, mas também nos dá uma expectativa maior para fazer um show que a maioria dos portugueses e brasileiros radicados lá nunca viram”, diz Toffolo.

Antes de partir para a região mais conhecida de Portugal, a OOP e Alceu Valença se apresentam na pequena cidade de Tomar, em um templo conhecido como Convento de Cristo. Em seguida, o espetáculo segue para Lisboa, em show na Casa da Música, na segunda-feira (19), e encerra a temporada no Teatro Tivoli BBVA, também na capital portuguesa, na quarta-feira (20).

 

O show

O maestro Rodrigo Toffolo adianta que o repertório dos espetáculos irá seguir a risca do DVD. Ao todo, 14 canções serão apresentadas com arranjos originais, incluindo a “Abertura Valenciana”, assinada por Rodrigo Toffolo em homenagem a Alceu Valença, e hinos do cancioneiro nordestino, como “Anunciação”, o pout-pourri “La Belle De Jour/Girassol” e “Tropicana” – que além dos instrumentos sinfônicos, são encorpadas por solos de guitarra, percussão e uma bateria marcante.

Depois dos shows em Portugal, o maestro pretende levar o espetáculo para outras cidades europeias, mas possíveis datas e locais ainda não foram confirmadas.

Redação do Jornal Nova Imprensa O Tempo

Comentários

Sobre o autor

André Ribeiro

Designer do portal Últimas Notícias, especializado em ricas experiências de interação para a web. Tecnófilo por natureza e apaixonado por design gráfico. É graduado em Bacharelado em Sistemas de Informação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.

Últimas Notícias