Ainda é possível sair da concessionária de carro novo com Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) reduzido. Mas o benefício, que terminou no último dia 31, está com os dias contados. E agora é para valer. As concessionárias mantêm estoque residual de modelos com o desconto, mas garantem que em pouco mais de uma semana não restará unidades sem a taxação.
?Sobrou muito carro sem emplacamento no fim de março, principalmente no interior de Minas, mas os estoques têm caído e agora é realmente o resto. As promoções devem durar um pouco mais, mas até o fim do mês devem se esgotar?, avalia Mauro Pinto de Morais Filho, presidente do Sindicato dos Concessionários e Distribuidores de Veículos de Minas Gerais (Sincodiv-MG).
Mesmo com o Breca Varejo realizado quarta-feira, dia em que a concessionária Chevrolet Jorlan baixou os preços e garantiu vários benefícios para os clientes, ainda há modelos à venda com IPI reduzido. ?Mas os estoques só vão até a próxima semana. Ainda temos Celta, Prisma e Corsa beneficiados pela queda do imposto?, afirma Maurício Turquia, gerente de vendas de uma das unidades da Jorlan em Belo Horizonte. Na Automax Fiat, os estoques ainda altos, podem durar até o início de maio. ?Mas o reflexo será pequeno, porque o fluxo de vendas permanece positivo?, afirma Ivisson Grossi, supervisor de vendas da concessionária.
Se depender do coordenador operacional Kléber Almeida, os números vão continuar no azul. ?Estava esperando um dinheiro extra que saiu logo depois do fim da redução do IPI. Comecei a olhar o carro há apenas dois dias, mas vou conseguir um bom preço porque ele ainda está sem o imposto?, comemora enquanto negocia mais descontos para o pagamento à vista do Voyage 1.0.
Para quem pretende dividir a compra em parcelas a perder de vista, as concessionárias garantem boas opções. A maioria oferece parcelamento que chega a 72 vezes sem entrada, além de campanhas com juros subsidiados. Tudo para não deixar as vendas caírem. ?Estamos investindo forte nas condições com possibilidade de pagamento da primeira parcela somente em três meses e taxas de juros diferenciadas?, garante Antônio Turquia.
Na Carbel, os clientes ainda recebem bônus de fábrica que pode chegar a R$ 2.750 para quem comprar o Gol G4. ?Modelos da linha 2010 faturados depois do fim da redução do IPI são beneficiados pelo bônus. Além disso, temos promoções para modelos da linha 2011 como o caso do Fox, que já sai com banco de couro?, afirma Adão Bonifácio Batista, gerente de atendimento da concessionária Volkswagen Carbel.
As ações das concessionárias e a manutenção das vendas de carros com IPI reduzido surtiram efeito e os impactos foram pequenos na primeira quinzena do mês. Segundo o Sincodiv, o número de emplacamentos ficou praticamente estável se comparado com o mesmo período de março. ?A diferença foi muito pouca. Enquanto em março vendemos cerca de 22,6 mil carros em todo o estado, o resultado agora foi de 22,5 mil, apenas 100 veículos a menos. A queda de 0,4% foi uma surpresa e ficou abaixo do esperado. Mas será a partir de maio que vamos sentir mais?, avalia Mauro Filho.
Para o engenheiro mecânico Bernardo de Almeida, o fim do IPI não desmotiva a compra de um novo carro. ?Estou olhando para o meu pai um Jetta, da Volkswagen, que nem foi beneficiado pela queda do imposto e independentemente de quando eu comprasse não teria benefício de qualquer forma?, afirma. Ele não nega, porém, que tirou proveito da isenção fiscal do governo. ?Comprei um Fox e calculo que o desconto tenha sido de 3% a 4% do valor do veículo?, conta.

Imprimir
Comentários