Misturar álcool e esportes aquáticos é uma combinação que pode ser fatal. Isso é o que mostram os números da Organização Mundial da Saúde(OMS). Dezesseis pessoas morrem afogadas todos os dias no Brasil, 12% desses óbitos são pelo uso de álcool.

O psiquiatra Arthur Guerra, presidente executivo do Cisa, Centro de Informações sobre Saúde e Álcool, afirma que, nessa época de festas, a incidência do abuso de álcool é ainda maior.

De acordo com a Sobrasa, Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático, 50% dos afogamentos do ano todo acontecem de dezembro a março. O médico David Szpilman, diretor da entidade, explica porque o álcool favorece o aumento de mortes na água.

Dados da Sobrasa apontam que 70% dos óbitos ocorrem em água doce – rios, lagos e represas; piscinas residenciais; e, ainda, em locais desprotegidos. Homens são as principais vítimas por afogamento. Eles morrem em média 6,7 vezes mais que as mulheres.

 

Fonte: Matéria Rádio Nacional||http://radioagencianacional.ebc.com.br/geral/audio/2019-12/consumo-de-bebidas-alcoolicas-esta-relacionado-12-das-mortes-por-afogamento
Imprimir
Comentários