Córrego Fundo está entre os primeiros municípios de Minas Gerais a superar as metas de vacinação contra a poliomelite e o sarampo. A meta determinada pelo Ministério da Saúde é que fossem vacinadas 95% das crianças na faixa etária de 1 a 5 anos. Na cidade, a meta atingida foi de 100,74%, antes do fim da campanha desenvolvida em todo o país.

“A meta da campanha foi atingida, porém a população não pode se descuidar. Ainda tem crianças que precisam ser vacinadas. Solicitamos que os pais mantenham o compromisso de levar seus filhos até a unidade de saúde, assegurando o direito da criança, previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente”, comentou a secretária de saúde, Keli Cristina da Silva.

De acordo com a profissional de saúde, doenças já erradicadas no Brasil voltaram a ser motivo de preocupação do Ministério da Saúde, autoridades sanitárias e até dos profissionais de saúde, por causa das baixas coberturas vacinais, que estão despertando o sinal de “alerta vermelho” no país.

Neste contexto, o município de Córrego Fundo também não fica de fora, nos últimos anos, houve uma queda do índice de vacinação. Por isso, as equipes de saúde do município não mediram esforços para vacinar as crianças, inclusive entrando em contato com as famílias à procura das crianças faltosas, para que então fossem imunizadas.

O objetivo da campanha é proteger as crianças contra essas doenças que podem ser prevenidas com a vacinação.

 

Fonte: Prefeitura de Córrego Fundo||

Imprimir

Comentários