Minas Gerais rompeu neste domingo (7) a marca de 15 mil casos confirmados de infecção pelo novo coronavírus: 15.703. As mortes, conforme boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES), são 376 no estado.

Na comparação com levantamento divulgado neste sábado, houve aumento de 764 diagnósticos. Já o consolidado de mortes cresceu em oito: de 368 para 376.

No quadro geral, são 513 cidades mineiras com casos confirmados: 60,1% dos 853 municípios do estado. 126 prefeituras já registraram ao menos uma vida perdida pela Covid-19.

A taxa de letalidade em Minas (porcentagem dos doentes que morrem) é de 2,4%. Dos que perderam a vida, 86% apresentavam ao menos uma comorbidade, sendo hipertensão (147 pacientes), doença cardiovascular (121) e diabetes (104) as mais comuns. A média de idade dos óbitos confirmados é de 68 anos.

Entre os 15.703 casos confirmados, 8.697 ainda são ativos: pessoas que ainda apresentam sintomas da doença. Ao mesmo tempo, 6.630 pessoas já se recuperaram. Do total, 56% são homens e 44% mulheres. 

Em Belo Horizonte, a SES computa 59 mortes e 2.438 diagnósticos da doença. 

Fonte: Estado de Minas

print
Comentários