Minas Gerais registra queda na criminalidade em 2017. Dados da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) mostram redução de 6,1% nos crimes violentos de janeiro a maio deste ano, em comparação com o mesmo período de 2016. A redução é puxada principalmente pelo roubo, o grande desafio nos últimos anos, que apresentou diminuição de 6,1%. Belo Horizonte segue os mesmos parâmetros, com queda de 12,9% nos crimes violentos.

As estatísticas mostram que os roubos estão em queda desde abril deste ano. Neste ano, foram registrados 52.364 ocorrências do crime, uma média de 346,4 por dia. Em 2016, neste mesmo período, teve 55.795 registros, 3.431 a menos. Segundo a Sesp, a variação percentual de 6,1% foi a maior queda dos últimos seis anos.

 O crime que apresentou a maior redução no período foi extorsão mediante a sequestro. Em 2017, foram 24 ocorrências até maio, contra 42 no ano passado, uma queda de 42,8%. Os homicídios seguem em diminuição. Foram 1.696 registros nos primeiros cinco meses, contra 1.808 em 2016, variação de 6,19%.

Também tiveram queda o homicídio tentado (-15,9%), o sequestro e cárcere privado consumado (-3,0%), estupro consumado (-5,2%), e estupro tentado (-0,6%). Já o furto, lesão corporal, e extorsão, que não entram para os crimes violentos, tiveram queda de 2,1%, 3,0% e 23,1%, respectivamente. A preocupação atual é com o estupro de vulnerável, que teve alta de 13,7%. Neste ano, foram 1.112 ocorrências, contra 978. Já o estupro de vulnerável tentado se manteve estável, com 73 registros.

 

Fonte: Estado de Minas||http://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2017/06/21/interna_gerais,878046/crimes-violentos-caem-em-minas-nos-primeiros-cinco-meses-puxados-pelo.shtml

Imprimir

Comentários