Em 2016, o Corpo de Bombeiros de Minas Gerais atendeu 16 mil ocorrências envolvendo acidentes com motos, quase 45 por dia. Já neste ano, somente até o mês de junho, foram 7.263 atendimentos. Outro dado alarmante é o número de vítimas do choque entre motos e automóveis: 7.100 no ano passado, contra 3.500 de janeiro a junho de 2017.

O grande número de acidentes com motos é motivado, principalmente, pela imprudência. “O trânsito em Minas Gerais varia de cidade para cidade. O curioso é que o índice de vítimas motociclistas é alto em quase todas as regiões do Estado, independente do tamanho do município. Esse panorama demonstra que o descuido do motociclista é a principal causa dos acidentes”, explica o Tenente Pedro Aihara.

 

Fonte: Hoje em Dia ||

print

Comentários