A Defesa Civil de Belo Horizonte emitiu um novo alerta para a possibilidade de chuva intensa, acompanhada de raios e rajadas de vento (em torno de 50 km/h), nesta sexta-feira (7). O alerta é válido até as 8h deste sábado (8). 

A previsão é que a chuva tenha volume de 30 a 50 mm. A Subsecretaria de Proteção e Defesa Civil recomenda evitar áreas de inundação e não trafegar em ruas sujeitas a alagamentos e perto de córregos e ribeirões no momento de forte chuva, pois o seu nível pode se alterar rapidamente podendo acarretar transbordamentos. Adverte para que não se abrigue debaixo de árvores e estacione veículos, pois elas podem cair e ocasionar graves acidentes. 

De acordo com a Defesa Civil, o órgão municipal recebeu 61 solicitações de atendimento por causa da chuva intensa do início da noite dessa quinta-feira (7). Dentre essas, 12 são referentes a quedas de árvore e 12 a alagamentos. 

Uma das árvores que caíram atingiu uma van escolar, matando o motorista – quarta vítima do período chuvoso em Belo Horizonte. As crianças que estavam no veículo não se feriram. O acidente aconteceu na avenida Nossa Senhora do Carmo, no Sion, região Centro-Sul de Belo Horizonte.

Outra árvore caiu na avenida do Contorno, no bairro Floresta, região Leste da capital – próximo à avenida dos Andradas. Uma casa foi atingida e a Defesa Civil está presente no local para avaliar as condições do imóvel, que ficou bastante destruído.

As quedas de árvores ainda afetam o trânsito na cidade. As informações sobre interdições estão sendo apresentadas no Twitter da BHTrans:

De acordo com a Cemig, as equipes foram reforçadas para o trabalho de conserto nesta sexta-feira. As principais ocorrências estão concentradas na região Centro-Sul (especialmente bairros Sion e Santa Efigênia), Venda Nova e Barreiro. Os principais problemas são fios partidos, árvores caídas sobre a rede elétrica e postes quebrados. 

De acordo com a Defesa Civil, entre as 18h50 e 22h20 desta quinta-feira, choveu 59 mm na região Oeste e 47,8 mm na região Leste de Belo Horizonte, um volume bastante expressivo. Confira o acumulado de chuva durante o temporal em cada região da capital:       

Barreiro – 40,0     
Centro Sul – 33,8     
Leste – 47,8     
Nordeste – 20,2     
Noroeste – 38,0     
Norte – 8,2     
Oeste – 59,0     
Pampulha -36,8     
Venda Nova – 33,2    

Em algumas regiões de Belo Horizonte, já choveu mais de 30% do esperado para todo o mês (358,9 mm) nos primeiros sete dias de dezembro. Confira os acumulados de chuva, por região, até as 7h desta sexta-feira, de acordo com a Defesa Civil:

Barreiro – 106,0 (30%)
Centro Sul – 128,8 (36%)
Leste – 128,2 (36%)
Nordeste – 105,0 (29%)
Noroeste – 121,4 (34%)
Norte – 87,8 (24%)
Oeste – 137,4 (38%)
Pampulha – 117,0 (33%)
Venda Nova – 104,2 (29%) 

 

Fonte: Hoje em Dia ||

Imprimir

Comentários