Redação Últimas Notícias

Esta semana, durante evento realizado na capital mineira, sob os auspícios da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), o jornalista Paulo Coelho, em companhia do diretor regional, Paulo César Costa, não perdeu a oportunidade de obter junto a três importantes secretários do governo mineiro, o compromisso de também eles, através de suas respectivas pastas, virem a atuar em favor da reivindicação de se estabelecer uma cota mínima para o Lago de Furnas, sem o qual se inviabiliza o multiuso das águas, fato que acarreta ao Estado enormes prejuízos  econômicos e sociais.

A subsecretária de Cultura, Rute Assis; o secretário de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Germano Luiz Gomes Vieira e a secretária de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Ana Maria Valentini, trazem à causa, importante peso da máquina estadual na defesa dos interesses mineiros.

Imprimir
Comentários