Representantes da Secretaria de Saúde de Arcos se reuniram com a Coordenação Regional do Samu nesta sexta-feira (11).

Alinhamentos de cooperação foram apresentados para melhor atender as urgências e emergências referentes a casos específicos da doença no município.

O município tem adotado inúmeras ações para oferecer agilidade nos casos graves de pacientes suspeitos de dengue.

No encontro, ficaram estabelecidas medidas de aperfeiçoamento do acompanhamento clínico adequado e de monitoramento diário das notificações, o que possibilita a leitura precisa para o desempenho de novas medidas de atuação clínica e de gestão emergencial.

Atualmente, a Secretaria de Saúde tem registrado a realização de aproximadamente 180 hemogramas por dia – exame laboratorial de identificação dos vírus da dengue. Outra orientação apresentada foi à disponibilidade do Samu, por meio do seu Núcleo de Educação Permanente (NEP), realizar cursos de capacitação dos profissionais da saúde do Hospital Municipal São José.

Para o diretor do Consórcio de Saúde e coordenador do Samu Região Centro-Oeste José Marcio Zanardi, a instituição está à disposição para dar agilidade de fluxo às transferências de caso graves. “A nossa função é de atender as urgências e emergências, principalmente que esta doença, em seu estado grave, pode levar a morte. Também colocamos a Central de Regulação à disposição, através do Núcleo de Educação Permanente, para a realização de capacitações de manejo clínico”, ressaltou.

De acordo com o secretario de Saúde, João Júlio Cardoso, ressaltou a importância do trabalho intersetorial para eficiência das ações de manejo. “Buscamos com o Samu e os hospitais da região uma convivência profissional e harmônica para melhor assistir os pacientes que necessitam de transferência e amparo adequado para seu tratamento e pronta recuperação”, disse. 

 

 

IMPRIMIR

Fonte:

Prefeitura de Arcos