Diretores do Departamento Nacional de Infra-estrutura e Transporte (DNIT) estiveram em Formiga na tarde de quinta-feira (10/04) em reunião com o prefeito de Formiga, Aluísio Veloso, para discutir a retirada da linha férrea na área urbana e a construção de um contorno ferroviário no município. Os representantes do DNIT que compareceram foram: o Diretor de Infra-estrutura, Rômulo do Carmo Neto, e o Superintendente Regional de Minas Gerais, Fernando Guimarães Rodrigues.
Em julho de 2007, Aluísio, em reunião com o Ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, solicitou a retirada da linha férrea do perímetro urbano. Após esse primeiro contato, os engenheiros do DNIT, Marco Antônio Blotta e Jean Carlo Trevizolo, estiveram em Formiga para iniciar os estudos necessários. Na oportunidade, acompanhados do Secretário Municipal de Obras, Rodrigo Bahia, os engenheiros visitaram 12 pontos de conflito, onde avaliaram a situação e tiraram diversas fotos.
Marco Antônio Blotta e Jean Carlo Trevizolo ficaram muito preocupados com a situação encontrada e, de acordo com eles, ?Formiga é a cidade com maior índice de insegurança encontrado até agora? aprovando imediatamente a retirada das linhas férreas do centro da cidade.
De acordo com o prefeito, a partir de agora, serão feitos estudos de viabilidade técnica a ser elaborado sobre a responsabilidade da Prefeitura, que serão encaminhados ao Ministério dos Transportes, que desenvolverá um projeto de engenharia de planilha de custos para a construção do contorno ferroviário através de empresa especializada.
Acredita-se que um empreendimento desta ordem custe aproximadamente R$ 45 milhões. Ainda não se sabe o prazo para a construção desses contornos e da retirada dos trechos da cidade.

Imprimir
Comentários