Foi no sofrimento, mas com a marca de São Victor. Assim pode ser traduzida a classificação do Atlético para a próxima fase da Copa Sul-Americana, na vitória nos pênaltis contra o Unión La Calera, do Chile. Contando com a estrela do garoto Alerrandro, que saiu do banco de reservas para balançar a rede, aos 24 minutos do segundo tempo, e fazer o gol da vitória no tempo normal, o alvinegro respirou aliviado com as três defesas realizadas pelo camisa 1, que relembrou os grandes momentos quando acionado neste quesito.

De acordo com o jornal Hoje em Dia, no tempo normal, o time comandado técnico interino Rodrigo Santana mostrou pouca inspiração, principalmente na primeira etapa. Na volta do intervalo, precisando abrir o marcador partiu com tudo para cima dos chilenos. Sem competência para balançar as redes nos 45 minutos iniciais, o comandante optou pelas entras de Alerrandro e Chará nas vagas de Ricardo Oliveira e Cazares, respectivamente.
Nas cadeiras, os mais de 16 mil torcedores empurraram a equipe e, relembrando 2013, quando conquistou a América em várias disputas por pênaltis, fez figa e viu a classificação para a terceira fase ser concretizada. Cabe lembrar que, na fase anterior o La Calera havia despachado a Chapecoense.

O gol de Alerrandro, que salvou a pátria, foi o 11º do camisa 17 na temporada. Agora, ele fica a dois de igualar Oliveira, artilheiro da equipe em 2019. Questionado e sem balançar a rede há sete jogos, o Pastor ganhou um forte concorrente para a sequência. Cabe saber se ainda será mantido entre os onze ou se perderá o posto.

Penalidades

Nas cobranças de pênalti, Victor brilhou e não deu chance ao La Calera. Bou, Leyton e Larrondo desperdiçaram as cobranças; Léo Silva, Fábio Santos e Luan, para o Galo, converteram e garantiram a classificação com a marca “Atlético” de ser.

Nesta quarta-feira (29), a equipe mineira ficará de olho na televisão para conhecer o próximo adversário. Vencedor do primeiro jogo contra o Sol de América, o Botafogo precisa de um empate, em casa, para avançar, e encarar o Galo nas oitavas.

Ficha Técnica:
Atlético 1 (3) x 0 (0) La Calera

Gols: Alerrandro, aos 24′ do segundo tempo.

Nos pênaltis, Fábio Santos, Luan e Leonardo Silva marcaram para o Atlético. Bou, Leyton e Larrondo perderam para o Unión La Calera.

Atlético: Victor, Patric, Leonardo Silva, Igor Rabello e Fábio Santos; Zé Welison, Elias, Luan, Geuvânio (Maicon Bolt) e Cazares (Chará); Ricardo Oliveira (Alerrandro). Técnico: Rodrigo Santana.
Unión La Calera: Batalla; Andía, Alvarado, Vilches, Navarrete (Thomas Rodríguez) e Wiemberg; Matías Laba, Juan Leiva (Zúñiga), Larrondo e Franco Lobos (Leyton); Walter Bou. Técnico: Francisco Meneghini.

 

Fonte: Hoje em Dia ||

Imprimir

Comentários