O agora prefeito de Formiga, Eduardo Brás Neto Almeida, que assumiu após decisão judicial que afastou Moacir Ribeiro da Silva do cargo na quinta-feira (1º), já começa a noticiar mudanças na Prefeitura após sua chegada.

Eduardo precisou abrir mão da candidatura ao cargo de vereador para assumir o cargo.

Novos secretários

Desde sexta-feira (2), Eduardo está realizando reuniões e visitas e já anunciou mudanças no secretariado municipal. O novo chefe de Gabinete do município é o advogado com mais de 20 de serviços prestados ao município como funcionário de carreira, Carlos Henrique Vespúcio. O novo secretário de Comunicação Social é Ivar Salviano, que trabalha há muitos anos neste setor. A Procuradoria foi assumida pela advogada Sandra Micheline de Castro Salviano, funcionária de carreira  na área administrativa da Secretaria de Saúde, que já atuou neste mesmo cargo durante a gestão de Aluísio Veloso. A Secretaria de Fazenda será provisoriamente assumida pelo também funcionário de carreira Cleuton Lima, enquanto a atual secretária, Maria Cristina Oliveira, que também serve a administração há mais de uma década, se recupera de uma cirurgia.

Marcelo Senne permanecerá no comando da Secretaria de Gestão Ambiental. Petrônio Bernardes, que já atua na mesma pasta há muitos anos, assumirá como adjunto.

Visita ao PAM

Uma das primeiras ações de Eduardo foi visitar as instalações do Pronto Atendimento Municipal (PAM). No local, o agora prefeito afirmou ter dado algumas orientações para melhorar o atendimento e continuará atento ao serviço oferecido na unidade de saúde.

Limpeza urbana

Eduardo também já se reuniu com servidores responsáveis pela limpeza urbana e afirmou que os cuidados com a cidade precisam ser retomados com urgência, assim como a realização de obras de reparos em áreas mais críticas, essas de responsabilidade de servidores da Secretaria de Obras.

Outras mudanças

Várias outras alterações deverão ser realizadas no quadro de secretários da administração, caso a mesma se mantenha no comando de Eduardo, já que a equipe de Moacir Ribeiro já trabalha para que a liminar que o tirou do cargo seja invalidada.

Eduardo pretende inclusive, abrir as portas da Prefeitura para os dois candidatos ao cargo de Prefeito, Eugênio Vilela e Reginaldo dos Santos, para que desde já eles conheçam a atual situação administrativa e financeira do município que poderão gerir a parir de janeiro de 2017.

O agora prefeito pretende, ainda, dar o máximo de transparência ao trabalho realizado: “Após a composição do corpo de Secretários, irei fazer uma coletiva com toda a imprensa, deixando à disposição de todos, em cumprimento do princípio da transparência, toda a situação em que estou assumindo a direção do Município. Tal medida se faz necessária para que eu possa preservar, junto às autoridades competentes e Tribunal de Contas, futuras responsabilidades”, disse Eduardo em nova nota publicada nas redes sociais.

 

print

Comentários