Em Formiga preço de combustíveis deve subir hoje. Em BH, Postos usam feriadão para aumentar preços
Maior parte dos estabelecimentos de BH, que já foram acusados de cartel, reajustou o preço para R$ 2,399
A gasolina está mais cara em Belo Horizonte desde o início desta semana. A maior parte dos postos de abastecimento localizados na Via Expressa, na avenida do Contorno , na Floresta e na Silviano Brandão reajustou o litro do combustível de cerca R$ 2,149 para R$ 2,399, um aumento médio de 12%. No Posto Expressa, encher o tanque de um Corsa Classic custava aproximadamente R$ 104 há duas semanas. Na quinta-feira, a mesma quantidade de gasolina saía por R$ 115. Um dono de posto de abastecimento, que não quis se identificar, admitiu que a elevação de preços ocorre por conta do feriado, quando boa parte dos consumidores é obrigada a abastecer para viajar.
De acordo com a assessoria de imprensa do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo de Minas Gerais (Minaspetro), o aumento é conseqüência do reajuste no preço do álcool , também implementado nessa semana por causa do fim da safra de cana, e da guerra de preços travada, principalmente, entre os estabelecimentos localizados na Via Expressa, já denunciados por formação de cartel. Na tarde de quinta-feira, entre os sete postos visitados pelo Estado de Minas na avenida, apenas um praticava preços diferentes , cobrando R$ 0,10 a mais pelo litro da gasolina. Em todos os outros, o litro do combustível custava R$ 2,399.
Há uma semana, especialistas detectaram fortes aumentos (entre 6% e 7%) no preço do litro do álcool nas usinas. O argumento foi o da entressafra, embora a safra ainda não tenha se encerrado.

Imprimir
Comentários