A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural de Minas Gerais (Emater-MG) comemorou nesta quinta-feira (3) seus 67 anos de história. O evento realizado em Belo Horizonte contou com a participação de aproximadamente 300 pessoas, entre elas representantes de diversas instituições ligadas à agropecuária de Minas e do Brasil.

A Emater-MG foi a primeira empresa pública do setor a ser criada no país. Ela está presente em 790 municípios e realiza, por ano, o atendimento a 400 mil agricultores.

O presidente da Emater-MG destacou as ações que fortalecem cada vez mais o meio rural. “A história da Emater-MG é marcada pela quebra de paradigmas, na medida em que mudam os contextos sociais, econômicos e políticos. É um constante movimento em rede. A assistência técnica e a extensão rural avançam como educação não-formal e continuada. Precursora do diálogo e da valorização do saber das comunidades para se construir e implementar as políticas públicas. Audaciosa para introduzir novas tecnologias, com impulso de participação”, ressaltou.

Ainda de acordo com o presidente da Emater-MG, o sucesso da Empresa ao longo dos anos também se deve às parcerias. “A parceria com instituições públicas e privadas colaboram para o nosso sucesso. Vale destacar a mais expressiva das parcerias estabelecidas com quase 800 prefeituras com as quais mantém convênio na implantação dos programas e projetos que contribuem para movimentar a economia local, para gerar novas oportunidades”, afirmou Kalil.

A Emater-MG também prestou homenagens a outras entidades com quem desenvolve programas em parceira, como a Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), Banco do Brasil, Assembleia Legislativa de Minas Gerais, prefeitura de Bom Sucesso, além de produtores de várias regiões do estado. Os funcionários da empresa que completaram 10, 20, 25, 30, 35, 40 e 45 anos de serviço também foram agraciados.

 

 

Redação do Jornal Nova Imprensa Imprensa Leste

Imprimir