O IDEB é o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica criado para avaliar a qualidade de educação dos sistemas de ensino no Brasil. Em nível municipal, os índices de Córrego Fundo de 2013 superaram as metas estabelecidas para o exame e, inclusive, já se aproximaram das metas projetadas para o ano de 2021.

A avaliação do IDEB é feita a cada dois anos. O resultado divulgado para todas as escolas e municípios do país em 2014, referem-se à análise feita no ano de 2013. Em relação ao ensino municipal, na cidade, foram avaliados os 5os e 9os anos do Ensino Fundamental, da Escola Municipal Tereza Maria de Faria Vaz e Escola Municipal Rafael José Alves.

Resultados alcançados:

A média das escolas foi:
Alunos do 5º ano do ensino fundamental ? Ideb 2013 = 6.6. A meta era de 5.7
Alunos do 9º ano do ensino fundamental ? Ideb 2013 = 5.4. A meta era de 4.3

De acordo com a coordenadora pedagógica da Secretaria de Educação, Keli Bernardes da Cunha, as escolas superaram os índices alcançados no último IDEB, feito em 2011, e também as metas alcançadas no estado de Minas Gerais. ?Em relação à média municipal, além de termos superado as metas projetadas para 2013, já estamos aproximando da meta esperada para o ano de 2021, tanto para o 5o quanto para o 9o ano do Ensino Fundamental?, comentou.

A secretária municipal de Educação, Iraci Leal Costa Faria, falou sobre o resultado do IDEB do município. Ela explicou que, na média do 5º ano do Ensino Fundamental para Córrego Fundo, foram consideradas apenas a nota da Escola Tereza Maria de Faria Vaz, porque o MEC exige que a avaliação seja feita em turmas com no mínimo 20 alunos, e, naquele ano, a classe da escola Rafael José Alves contava com menos estudantes. ?Mesmo sem que uma escola seja avaliada, no 5º ano, nossa média está sendo alcançada, e nos mantemos otimistas?, comentou.

?Os resultados de Córrego Fundo estão sempre crescendo. Retratam a qualidade do ensino em Córrego Fundo e referem-se a todos os servidores das escolas e da secretaria de Educação. É um trabalho de união que deu condições para que o ensino municipal alcançasse essa pontuação, mas é importante considerarmos que não podemos nos acomodar e devemos continuar nos empenhando para manter e elevar, periodicamente, este resultado?, declarou a secretária.

O IDEB

O IDEB foi criado em 2007 pelo MEC (Ministério da Educação) para reunir, em um só indicador, dois conceitos igualmente importantes para a qualidade da educação: fluxo escolar e médias de desempenho nas avaliações. O indicador é calculado a partir dos dados sobre aprovação escolar, obtidos no Censo Escolar, e médias de desempenho nas avaliações.

Os resultados alcançados pelo IDEB são significativos para que os sistemas de ensino desenvolvam estratégias para garantir qualidade em suas instituições.

Imprimir
Comentários