A tarde deste domingo (14) não foi só de notícias ruins para o Cruzeiro. Apesar da derrota por 2 a 0 para o Vasco, no Rio de Janeiro, em jogo pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro, o técnico Mano Menezes teve a primeira oportunidade de observar o jovem zagueiro Cacá, de 19 anos, em um jogo oficial.

O balanço foi o melhor possível: elogios dos companheiros, que deixaram o campo exaltando a participação do camisa 14, e muita confiança da maioria dos torcedores pelas redes sociais.

Capitão no duelo em São Januário, o atacante Rafael Sobis foi um dos que mais elogiou Cacá. Ele disse, inclusive, que a boa participação do zagueiro não é uma surpresa. “Para vocês, talvez surpresa. Para nós não. A gente treina todo dia. É uma promessa, a gente sabe que promessa no Brasil precisa cuidado para lançar, porque daqui a pouco queima um jogador, queima um produto importante para o clube. Mas ele é isso aí para mais. É um grande jogador, um grande menino, dedicado. Legal ver que numa fogueira dessa ele joga, joga bem e mostra que tem qualidade”, avaliou o camisa 7.

Embora tenha cometido pequena falha no lance do primeiro gol do Vasco, Cacá fez um jogo seguro neste domingo. O zagueiro mostrou força no mano a mano e poder para desarmar os adversários. A única oportunidade do defensor com Mano Menezes havia sido no jogo-treino entre Cruzeiro e Coimbra, em 7 de julho, durante a intertemporada que o time celeste realizou durante a disputa da Copa do Mundo da Rússia.

Natural de Visconde do Rio Branco, interior de Minas, Cacá está no Cruzeiro desde junho de 2014 e chegou a jogar na posição de volante nas categorias sub-15 e sub-17. Posteriormente, firmou-se como zagueiro. Foi destaque do Cruzeiro na conquista do Campeonato Brasileiro Sub-20 e da Supercopa do Brasil, em 2017. Este ano, se destacou também na Copa Libertadores da categoria, apesar da campanha ruim do time, e, por isso, foi promovido ao profissional.

Elogios da torcida

Se Cacá não pôde ter um retorno imediato da torcida sobre seu desempenho, já que a partida foi realizada longe do Mineirão, nas redes sociais os cruzeirenses mostraram confiança na jovem promessa. Várias publicações no Twitter compararam o zagueiro a Manoel, que seria titular neste domingo, mas foi vetado em função de uma amigdalite.

 

 

Fonte: Super Esportes||

print

Comentários