O Facebook começou a liberar as contas de e-mail para usuários brasileiros. Internautas poderão ter e-mails com o endereço @facebook.com e, ainda que não tenham recebido convites, podem solicitá-lo por meio do próprio Facebook. O serviço foi anunciado em dezembro pelo criador do site, Mark Zuckerberg, e faz parte de um recurso cujo objetivo é agrupar mensagens.
O sistema, afirmou o próprio Zuckerberg, é baseado em três pilares que a companhia acredita serem necessários para a comunicação por mensagens atualmente: integração entre sistemas – não apenas e-mails, mas também SMS e programas de chat -, o histórico de conversas e a filtragem de remetentes e destinatários.
Com a nova função, o Facebook converte mensagens enviadas para o e-mail do usuário para um formato semelhante ao chat da rede social, que pode ser visualizado tanto no computador quanto em smartphones ou tablets.
O histórico de cada conversa individual é registrado automaticamente pela ferramenta, que, segundo a empresa, também receberá anexos enviados por e-mail. Assim como em serviços de e-mails, será possível encaminhar a outros contatos as mensagens recebidas.
Mesmo que o remetente dos e-mails não seja usuário do Facebook, ele poderá ser integrado à ferramenta. O sistema também é compatível com programas de bate-papo, como o Windows Live Messenger. O Facebook tem mais de 600 milhões de usuários no mundo.

Imprimir
Comentários