Nas últimas 24 horas, Formiga registrou 85 novos casos de Covid-19.

O crescimento de infectados e óbitos em decorrência da doença, somado ao regresso da microrregião para a Onda Vermelha do programa Minas Consciente, fez com que a Administração Municipal, através da Secretaria Municipal de Saúde, publicasse nesta sexta-feira (26) novo decreto com medidas mais rígidas contra a propagação do novo coronavírus. As novas restrições passam a valer a partir de segunda-feira (1º).

De acordo com o Decreto 8676, de 26 de fevereiro de 2021, todos os segmentos comerciais do município de Formiga deverão cessar suas atividades a partir das 21h, excetuando-se farmácias e aqueles que trabalhem no formato de delivery, ficando vedada a retirada no balcão do estabelecimento. O retorno das atividades comerciais dar-se-á a partir das 5h.

Clubes recreativos, sociais e esportivos deverão suspender atividades recreativas e ou de lazer, incluindo-se o uso de piscinas, lagoas, playgrounds, quiosques, jogos de qualquer natureza tais como sinuca, baralho etc., vedada ainda a realização de atividades esportivas seja no formato coletivo ou em dupla. A suspensão não se aplica ao funcionamento das academias, bares e restaurantes dos respectivos clubes, que poderão funcionar até as 21h.

Ficam vedadas as realizações de eventos e atividades de natureza pública e privada, tais como cinema, shows, festas, festivais, boates, casas de shows e similares, exceto quando houverem condições de sua realização no formato “drive-in” ou “drive thru”.

O Decreto, que pode ser consultado no site da prefeitura (www.formiga.mg.gov.br), entra em vigor no dia 1º de março, surtindo efeitos por 15 dias.

Dados da Covid

Dados atualizados nesta sexta (26) apontam que a cidade está com 3.365 casos confirmados da doença, sendo que somente este ano foram 1.344 novos casos de Covid-19, um aumento de mais de 66% de registros nos 57 primeiros dias do ano, comparado com todo o ano passado que computou 2021 pessoas com testagem positiva.

Desde o início da pandemia, Formiga tem o registro de 60 mortes em decorrência da doença, sendo que 26 foram este ano. Em 2020 foram 34 óbitos.

Imprimir
Comentários