A 30ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro terá como marca para o futebol mineiro o fato de, pela primeira vez nesta edição, Atlético e Cruzeiro entrarem em campo com um objetivo comum: abrir distância da zona de rebaixamento, ou da confusão, como apelidou o técnico Vanderlei Luxemburgo o grupo de clubes que frequenta a parte de baixo da classificação do torneio.

Brigar contra a degola está há muito tempo no roteiro cruzeirense. Na nona rodada, o time entrou pela primeira vez no Z-4, após derrota de 2 a 1 para o Fortaleza, no Castelão, na última partida antes da parada para a Copa América.

Hoje em Dia



E foram 14 rodadas no grupo, sendo que os 2 a 0 sobre o Botafogo, na última quinta-feira (31), no Engenhão, fizeram a Raposa sair, depois de um mês e meio, da posição entre os quatro últimos colocados.

O Atlético nunca esteve na zona de rebaixamento. Muito pelo contrário. Foi líder na terceira rodada, depois figurou no G-4 por muito tempo, se consolidou no G-6 e desde o final do turno despenca na classificação, ocupando atualmente a 13ª colocação.

E na última quarta-feira (30), após a derrota de 2 a 0 para a vice-lanterna Chapecoense, no Independência, uma dura realidade invadiu a vida atleticana.

Na reta final do Brasileiro, a tarefa será evitar a queda para a Série B, pois a briga por uma vaga na Libertadores virou um objetivo quase impossível.

Segundo o site Probabilidades no Futebol, mantido pelo Departamento de Matemática da UFMG, o Galo tem 0,86% de chances de garantir uma vaga na principal competição sul-americana de clubes.

Desafios

Para fugir da zona de rebaixamento, Atlético e Cruzeiro buscam nesta 30ª rodada superar uma dificuldade que eles têm enfrentado neste momento do Brasileirão.

O Galo encara o Fortaleza neste sábado (2), às 17h, no Castelão, tentando voltar a vencer como visitante, o que não consegue desde 14 de julho, quando fez 2 a 1 na Chapecoense, na Arena Condá. Depois disso, em oito jogos, foram cinco derrotas e três empates.

No caso da Raposa, que recebe o Bahia, neste domingo (3), às 19h, no Mineirão, o desafio é ganhar como mandante. Nos quatro jogos sob o comando de Abel Braga, venceu apenas o São Paulo, empatando com Internacional, Fluminense e Fortaleza.

Os desafios são muitos, o drama, maior, e ele só diminuirá se Atlético e Cruzeiro vencerem seus jogos pela 30ª rodada.

 

Fonte: Hoje em Dia ||
Imprimir
Comentários