No fechamento da mini-maratona em que teve como adversário extra o surto de Covid-19 que tomou a Cidade do Galo nas duas últimas semanas, o Atlético venceu o Botafogo por 2 a 1, na noite dessa quarta-feira (25), no Mineirão, pela 23ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, e se isolou na liderança da competição.
Os gols foram de Savarino e Eduardo Sasha, para o alvinegro mineiro, com Marcelo Benevenuto descontando para o carioca.

Com o resultado, o time de Jorge Sampaoli se recuperou dos dois resultados ruins que teve diante de Athletico-PR, quando perdeu por 2 a 0, no Gigante da Pampulha, no dia 18 de novembro, e Ceará, com quem empatou por 2 a 2 no último domingo, no Castelão, em Fortaleza.

O Galo chegou aos 42 pontos e abriu três de vantagem em relação ao segundo colocado Flamengo, que tem um jogo a menos e não entrará em campo nesta 23ª rodada, pois seu confronto com o Grêmio foi adiado.

O São Paulo, que poderia até tirar a liderança do Atlético nesta quarta-feira, empatou com o Ceará por 1 a 1 no Castelão e tem 38 pontos.

O Tricolor segue como uma ameaça à liderança atleticana. O time do Morumbi faz dois dos três jogos a menos que tem em relação ao Galo antes da equipe de Sampaoli entrar em campo novamente, no próximo dia 6 de dezembro, às 18h15, no Mineirão, para encarar o Internacional.

No próximo sábado (28), o São Paulo encara o Bahia, às 19h, na Fonte Nova. Na outra quarta-feira (2), faz contra o Goiás, na Serrinha, em Goiânia, partida adiada da primeira rodada por causa do surto de Covid-19 no clube goiano.

Os paulistas só ultrapassam o Atlético se vencerem esses dois jogos. Com uma vitória e um empate, chegam aos mesmos 42 pontos, mas serão superados no número de vitórias. De toda forma, seguirão com uma partida a menos, contra o Botafogo, pela 18ª rodada, que será disputada em 9 de dezembro, no Morumbi.

O fundamental para o Galo era vencer o Botafogo. Agora, o atleticano passa a secar o São Paulo para não ver o tricolor do Morumbi lhe “roubar” a liderança do Brasileirão.

Fonte: Hoje em Dia

Imprimir
Comentários